Por que após algumas horas não sinto mais o meu perfume?

Para falarmos sobre “sentir o perfume” ou “sentir-se perfumado”, algum tempo após a aplicação, é preciso considerar alguns fatores.

A fixação do perfume não está relacionada a sua qualidade e sim, em sua maioria, a fatores específicos como: estresse olfativo, uso de uma fragrância por muito tempo ou aplicações na região próximo ao nariz (triângulo olfativo), entre outros.

Devemos considerar mais de perto esses fatores, por exemplo:

● A concentração do perfume: Sabemos que o tempo de duração, ou percepção da fragrância ao longo das horas, varia conforme a concentração do perfume. Um Eau de Toilette (ETD) dura em torno de 6 a 8 horas enquanto um Eau de Parfum (EDP) dura por mais de 8 horas.

● Outro fator, não raro, é o estresse olfativo, que é a saturação do olfato quanto aquele mesmo “cheiro” de sempre. Ou seja, o nosso nariz se acostuma com a fragrância e não a percebe mais ou a percebe muito pouco.
O estresse olfativo pode ser gerado por dois motivos principais: uso da mesma fragrância por um longo tempo e/ou aplicações constantes na região de saturação próxima ao nariz.

Nunca compare a fixação de perfumes diferentes, pois cada fragrância é única, mesmo que possuam a mesma classificação por concentração.

Por exemplo, o perfume X é um EDT, mas sua concentração possui 8% de extrato, enquanto o perfume Y, que também é um EDT, possui 12% de extrato. Essas variações acontecem porque cada perfume tem sua fórmula única.

Nesse caso comparativo, o perfume que possui maior concentração poderá ser percebido na pele por mais horas dentro das 6 a 8 horas de um EDT.

O que você achou deste artigo?

  • Gostei 9
  • Aplausos 1
  • Amei 5
  • Genial 0
  • Hmm 2
  • Não Gostei 0
Veja mais