Qual a origem da celulite?

Normalmente, o tecido adiposo tem uma função de depósito, a fim de fazer face aos nossos gastos energéticos. O processo de armazenagem e utilização das gorduras se equilibra dentro dos adipócitos, as células de gordura.

Mas, na mulher, em particular na parte inferior do corpo, sob a influência hormonal, a armazenagem se torna predominante e os adipócitos tendem a aumentar de volume.

Na mulher, os adipócitos são reagrupados nos lóbulos de gordura verticais, separados entre si por septos fibrosos. Esses septos ficam perpendiculares à superfície da pele e se deformam quando os adipócitos se expandem, criando na superfície uma deformação da pele (aspecto de matelassê, com reentrâncias e protuberâncias, característico da casca de laranja).

É o aumento dos adipócitos, associado à diminuição da circulação sanguínea local, que vai pouco a pouco modificar a estrutura dos tecidos, tornar mais lentas as trocas celulares e acumular toxinas. Na superfície, além do aspecto de casca de laranja que fica cada vez mais visível e que pode se tornar doloroso, a pele perde a mobilidade e a flexibilidade.

O que você achou deste artigo?

  • Gostei 0
  • Aplausos 0
  • Amei 0
  • Genial 0
  • Hmm 0
  • Não Gostei 0
Veja mais